quarta-feira, 8 de novembro de 2017

Laura's jukebox #12

Hoje estou estranhamente bem disposta, talvez por estar um dia lindo e maravilhoso, ou então porque hoje tenho dois testes e a forma que o meu organismo tem de reagir a tal situação é tendo uma atitude demasiado positiva, já cheguei ao ponto de estar farta de me aguentar a mim própria.
Adoro o meu sistema nervoso.
Ou então é porque o novo álbum da Taylor saí daqui a três dias e adoro mais do que tudo a última música que foi lançada, Call It What You Want, não consigo parar de a cantarolar, apesar de não me rever com o ponto principal e tal, mas isso são pormenores deprimentes da minha vida. Vou ser ser sincera, não espero muito deste álbum, só gosto mesmo MESMO do CIWYW, adoro o ...Ready for It, mas de resto... nem me aquece nem me arrefece.

Então fica aqui a banda sonora dos meus últimos dias, só porque até estou bem disposta, mas isso são pormenores.

Taylor Swift - Call It What You Want


Halsey - Castle

Gloria Gaynor - I Will Survive


Dua Lipa - New Rules 

Carrie Underwood - Church Bells


Com amor,
Laura

domingo, 15 de outubro de 2017

Quotes #19

" If your dreams do not scare you, they are not big enough."
Ellen Johnson Sirleaf

Com amor,
Laura

quarta-feira, 11 de outubro de 2017

Antes de vir para Aveiro, as únicas tripas que conhecia eram as tripas à moda do Porto, o que deixou a jovem caloira perdida no meio de Aveiro em mim a pensar que estava numa terra de doidos, visto que volta e meia via sítios que diziam que vendias tripas, até que cheguei à conclusão que as tripas de Aveiro eram "uma espécie de crepe" com algum recheio fiquei mais descansada, mas ainda estava um bocado cética, porque sou MUITO esquisita com a comida, e as tripas na altura não me inspiravam grande confiança.

Até ao dia em que tudo mudou.

Há cerca de um ano certinho, estávamos no Parque de Feiras e Exposições, no FAN (Festival Aveiro é Nosso, semana de integração, que neste ano se chama HUG, ugh...), e uma amiga minha conseguiu miraculosamente convencer-me a experimentar as ditas tripas. Gostei, a minha primeira foi boa, mas não foi assim grande coisa, mas foi suficiente para começar a gostar de tripas.

Foi no dia a seguir que tudo mudou a sério, foi com a tal minha amiga ao Fórum (as amigas dela do secundário vinham ao FAN e ela "adotou-me"), fomos comer a segunda tripa da minha vida, e o meu mundo parou.

Era de chocolate branco, e estava tão boa, que nem conseguia prestar atenção ao que elas me estavam a dizer, foi um momento assim para lá de abençoado. Ainda hoje me lembro daquela tripa maravilhosa, e quão me aqueceu o coração.

Depois dessas tripas, vieram muitas mais: a de ovos-moles que comi com os meus pais, a de Kinder Bueno que comi depois da Passeata Noturna, a tripa de Nutella que comi na noite da gala porque minha amiga não conseguia comer mais, a de chocolate de avelã que comi no TêZero (foi a  única que comi lá), e tantas outras que no Inverno me aqueciam as mãos ás tantas da manhã e que no Verão  me "queimavam" os dedos.

É por estas e por outras que já me chamaram de Rainha das Tripas, volta e meia quero ir às tripas, a certa altura até criei um grupo no Facebook para o pessoal ir comer tripas (não deu grande resultado).
Adoro tripas, são tão boas, gosto delas de forma irracional.
Mas por algum motivo, a bolacha americana ainda não me convenceu.
Oh well...

Vai uma tripa?

Com amor,
Laura

domingo, 8 de outubro de 2017

Forever in my mind

Finalmente o tinha comigo, aquele por quem eu tinha esperado desde que vim para Aveiro, talvez até antes, não conseguem imaginar  as vezes que suspirei por ele, as borboletas que senti no estômago quando o vi pela primeira vez,  e a alegria que senti ao fim da nossa primeira grande aventura.

Hoje acabou tudo, infelizmente, e não sei como irei recuperar depois da perda dele.

Descansa em paz, meu carrinho de compras das velhinhas.
Ainda não acredito que ficaste sem uma roda a dois passos de casa, e sem a outra assim que chegámos a casa. 
Que o teu substituto tenha rodas mais fortes, um saco impermeável e que também tenha um bom bolsinho para a carteira, as chaves de casa e a lista das compras .

Com amor,
Laura
A minha foto
19 | Açoriana que cresceu em Viana do Castelo | Hufflepuff | Estudante de Marketing em Aveiro

Old stuff